Cabo Verde

Embora o ritmo de crescimento tenha abrandado em 2013, com apenas 1%, as previsões para 2014 apontam para que a economia cresça 3,1%. Este abrandamento deveu-se sobretudo à grande dependência que a economia local ainda tem do exterior e nomeadamente da União Europeia, pelo que o governo está a apostar na modernização do país através do desenvolvimento das infraestruturas, que será determinante para o crescimento económico e melhoria do nível de vida das populações.


A capacidade produtiva de Cabo Verde tem-se revelado bastante limitada, com uma economia muito baseada nos serviços, no turismo e nas remessas das pessoas que trabalham no exterior. A área do turismo apresenta grandes potencialidades de desenvolvimento, bem como todas as actividades que giram em torno dela.

 

 

ANGOLA 

CABO VERDE 

GUINÉ-BISSAU 

MOÇAMBIQUE

SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE 

Ser Associado da Câmara de Comércio significa fazer parte de uma instituição que foi pioneira do associativismo em Portugal.

 

Os nossos Associados dispõem do acesso, em exclusividade, a um conjunto de ferramentas facilitadoras da gestão e organização das respectivas empresas.