Polónia: Relacionamento com Portugal e Oportunidades de Negócio

Os fluxos de comércio entre Portugal e a Polónia têm vindo a aumentar a uma média de 8,4% ao ano desde a crise de 2008.

No entanto, à excepção de 2013, o saldo da balança comercial tem sido prejudicial a Portugal com as importações a ultrapassarem as nossas exportações. O ano de 2015 não fugiu à regra. Não obstante um aumento de 16,9% das exportações com destino à Polónia – totalizando 553,2 milhões de euros – isso não foi suficiente para compensar os 585,5 milhões de euros de importações e que representaram uma subida de 9% face a 2014. Os primeiros dez meses de 2016 vieram reforçar este cenário, na medida em que o valor das importações (600,6 milhões de euros) ultrapassou, uma vez mais, o total atingido em exportações (478,7 milhões de euros).

Ainda assim, encontramos indicadores que permitem algum optimismo quanto a uma alteração deste cenário a médio e longo prazos. Não só o número de empresas exportadoras para a Polónia tem vindo a aumentar – em 2015 foram 1 236 – como o ritmo de crescimento das exportações tem sido superior ao das importações: 9,3% vs 7,8% entre 2009 e 2015.

Em 2015, ano em que a Polónia figurou como o 14º maior cliente de Portugal, com uma cota de 1,1% do total das nossas exportações, estas foram lideradas pelas vendas de máquinas e aparelhos, pastas celulósicas e papel, produtos agrícolas, plásticos e borrachas, veículos e outros materiais de transporte. Dados relativos aos primeiros dez meses de 2016 mostram uma estrutura de exportações relativamente semelhante. Poder-se-ão ainda encontrar nichos de oportunidade de negócio nas áreas do calçado, combustíveis minerais, instrumentos de óptica e precisão, peles e couros, bicicletas, caixas de fundição e medicamentos.

Depois do sucesso das edições de 2014, 2015 e deste ano, a Câmara de Comércio quer voltar a levar empresas portuguesas ao mercado polaco. Para isso, está a organizar, em parceria com a Câmara de Comércio Polónia Portugal (PPCC), uma missão empresarial de 30 de Janeiro a 3 de Fevereiro, com o objectivo de dar conhecer o ambiente de negócios do país, realizar reuniões individuais de negócios com empresas e empresários de acordo com o perfil de cada empresa participante e contactar com parceiros locais de referência. Consulte o programa detalhado e não perca esta oportunidade de conhecer o mercado polaco!

 
OVERVIEW
ENQUADRAMENTO ECONÓMICO

Ser Associado da Câmara de Comércio significa fazer parte de uma instituição que foi pioneira do associativismo em Portugal.

 

Os nossos Associados dispõem do acesso, em exclusividade, a um conjunto de ferramentas facilitadoras da gestão e organização das respectivas empresas.