Acordo-comercial-UE-Vietname

A União Europeia (UE) e o Vietname, assinaram no passado dia 30 de Junho, em Hanói, um acordo de comércio livre e um acordo de protecção do investimento. 

O Vietname é o segundo país do sudeste asiático, depois de Singapura, a beneficiar de um acordo de comércio com a UE. 

É uma das principais economias na Associação das Nações do Sudeste Asiático (ASEAN), com 95 milhões de consumidores e um crescimento económico superior a 6% nos últimos anos, está entre as 50 maiores economias mundiais. É o segundo maior parceiro comercial da UE na ASEAN, a seguir a Singapura, com trocas comerciais de bens, em 2018, no valor de 49,3 mil milhões de euros e de 4,1 mil milhões de euros em serviços, em 2017.

O Vietname, como cliente de Portugal, ocupou em 2018 a 64ª posição e como fornecedor a 28º posição. Os dados mais recentes disponibilizados pelo INE revelam que 241 empresas portuguesas exportaram para este mercado em 2017.

As exportações para este mercado, em 2018, totalizaram 35,8 milhões de euros, sendo que as importações de produtos vietnamitas, no mesmo período, ascenderam a 325,8 milhões de euros.

As principais exportações portuguesas foram constituídas essencialmente por medicamentos (19,3%); máquinas e aparelhos de impressão (14,8%); peixes congelados (4,7%); máquinas e aparelhos de elevação (4,2%); máquinas para lavar e limpar (3,6%) e máquinas para trabalho de pasta de papel (3%). Quanto às importações provenientes do Vietname, estas dizem respeito principalmente a aparelhos eléctricos (51,2%); café (8,8%); crustáceos e moluscos (4,9%); máquinas para processamento de dados (3,9%); filetes de peixe (3,2%); partes e acessórios para veículos (2,7%) e calçado (2,7%).

O acordo comercial irá eliminar 99 % dos direitos aduaneiros, aplicáveis aos bens comercializados entre as duas partes, de uma forma progressiva. As empresas da UE passam também a poder participar em concursos para contratos públicos no Vietname em pé de igualdade com as empresas nacionais.

Com a entrada em vigor do acordo comercial – que necessita ainda de ser ratificado no Parlamento Europeu – o comércio entre Portugal e este país do sudeste asiático tem grandes potencialidades para se desenvolver e irá proporcionar novas oportunidades para as empresas diversificarem os mercados de destino das suas exportações.

Em 2017 foi constituída a Câmara de Comércio e Indústria Portugal Vietname (CCIPV) que integra a rede das Câmaras de Comércio Portuguesas no estrangeiro (RCCP) coordenada pela CCIP. A CCIPV tem como principal missão promover as relações económicas entre Portugal e o Vietname.

Mais informações sobre as relações económicas com o Vietname e os principais elementos dos acordos de comércio e de investimento, poderão ser obtidas na página da Comissão Europeia.

Saiba como fazer parte da rede da Câmara de Comércio

 

Torne-se nosso associado

 

Apresentação Câmara de Comércio