Prémio Francisco de Melo e Torres entregue a Embaixador em Maputo

José Augusto Duarte, embaixador de Portugal em Moçambique, foi o vencedor da edição deste ano do prémio Francisco de Melo e Torres, galardão da Câmara de Comércio que distingue anualmente o chefe de missão diplomática que se tenha destacado no apoio à internacionalização de empresas portuguesas, na captação do investimento estrangeiro e contribuído para o crescimento da economia portuguesa no ano anterior. O prémio materializa-se na entrega de 25 mil euros e de um troféu desenhado pela Vista Alegre/ Atlantis ao premiado. O prémio será preferencialmente utilizado em acções que contribuam para o apoio à internacionalização das empresas portuguesas e para a captação de investimento estrangeiro.

As candidaturas foram analisadas pelo júri, presidido pelo Embaixador António Monteiro, e composto por Bruno Bobone, presidente da Câmara de Comércio, e Miguel Horta e Costa, vice-presidente da mesma instituição. Como factores determinantes na escolha do Embaixador de Portugal em Maputo, pesaram os casos concretos de empresas que se tenham internacionalizado com o apoio de José Augusto Duarte, casos de empresas estrangeiras que se tenham estabelecido em Portugal ou entrado no capital de uma empresa portuguesa através da actuação directa do Embaixador, bem como eventos organizados para promover a imagem de Portugal.

À semelhança das edições anteriores, a cerimónia de entrega do Prémio decorreu por ocasião do seminário diplomático, com a presença do Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, que entregou o galardão ao premiado.

Leia a entrevista ao vencedor da 3ª edição do prémio Francisco Melo e Torres.

FIND OUT MORE ABOUT OUR SERVICES!

 

For further informations contact us.

Media