Polónia - Relações Comerciais com Portugal e Oportunidades de Negócio

De acordo com os dados mais recentes (INE), de Janeiro a Julho do corrente ano, as exportações nacionais de bens para a Polónia totalizaram 277,9 milhões de euros.

 

Nos últimos cinco anos, a balança comercial de bens com a Polónia apresentou um défice para o nosso país, com excepção de 2013. Aquela tendência manteve-se nos primeiros sete meses deste ano, que apresentavam já um saldo negativo para Portugal.

 

De acordo com os dados mais recentes (INE), de Janeiro a Julho do corrente ano, as exportações nacionais de bens para a Polónia totalizaram 277,9 milhões de euros e foram constituídas por máquinas e aparelhos (25,8%); veículos e outro material de transporte (9,8%); produtos agrícolas (9,3%); plásticos e borracha (9,1%); pastas celulósicas e papel (8,1%); metais comuns (6,6%); matérias têxteis (5,7%); químicos (5%) e alimentares (4,8%), que no seu conjunto representaram cerca de 84% das nossas exportações para este mercado.

 

Neste mesmo período, as importações nacionais com origem na Polónia totalizaram 305,5 milhões de euros e foram constituídas por máquinas e aparelhos (28%); químicos (11,3%); produtos agrícolas (10,8%); veículos e outro material de transporte (8,1%); metais comuns (7,2%); plásticos e borracha (4,2%); produtos alimentares (3,7%); pastas celulósicas e papel (3,4%); peles e couros (2,1%) e instrumento de óptica e precisão (1,4%), que no seu conjunto representaram 80% das importações de bens.

 

Em 2013 as exportações de bens acenderam a 441,4 milhões de euros, sendo que as importações tiveram um valor de 433,7 milhões de euros, que se traduziu num saldo positivo de 7,7 milhões de euros.

 

A Polónia ocupa actualmente a 15ª posição como destino das exportações de bens, a mesma que em 2013. Como fornecedora, a Polónia está em 20º lugar, mantendo a mesma posição registada 2013.

 

Para além dos produtos supra referidos, existem ainda diversas oportunidades de negócio para as empresas portuguesas em áreas como a das infraestruturas de transporte e de comunicações, saúde, tecnologias do meio ambiente, componentes para a indústria automóvel e moldes.

 

Face ao potencial deste mercado, a Câmara de Comércio organizou em colaboração com a CIEP uma missão empresarial à Polónia, na qual participaram 14 empresas de diversos sectores de actividade e cujos resultados foram extremamente positivos no que respeita às perspectivas de negócios no futuro próximo.

 

Veja os depoimentos de algumas das empresas que participaram nesta missão.

 

 

Relações Comerciais com Portugal e Oportunidades de Negócio

Ser Associado da Câmara de Comércio significa fazer parte de uma instituição que foi pioneira do associativismo em Portugal.

 

Os nossos Associados dispõem do acesso, em exclusividade, a um conjunto de ferramentas facilitadoras da gestão e organização das respectivas empresas.