OMC dá “luz verde” aos EUA

OMC dá “luz verde” aos EUA permitindo a imposição de novas taxas aduaneiras à importação de produtos europeus. Portugal não escapa ileso. Novas tarifas já em vigor

A OMC decidiu a favor dos EUA, autorizando o país a aplicar tarifas adicionais de quase 7 mil milhões de euros a produtos europeus, em retaliação aos apoios da UE à francesa Airbus. Em causa está a disputa que se prolonga há cerca de 15 anos em torno dos apoios públicos às respectivas fabricantes aeronáuticas: a francesa Airbus e a norte-americana Boing. O vinho francês, o queijo italiano e o whisky escocês encontram-se entre os principais alvos das novas taxas aplicadas pelos EUA. Mas constam também da lista, queijo, iogurtes e manteigas (e derivados e preparados com estes lacticínios), cerejas, peras, pêssegos e citrinos (laranjas, limões, tangerinas etc.), mexilhões, ameijoas, berbigão e outros molúsculos, bem como derivados de porco, de origem portuguesa, pelo que serão muitas as empresas exportadoras afectadas com as novas taxas alfandegárias, em vigor desde 18 de Outubro.

 

Ser Associado da Câmara de Comércio significa fazer parte de uma instituição que foi pioneira do associativismo em Portugal.

 

Os nossos Associados dispõem do acesso, em exclusividade, a um conjunto de ferramentas facilitadoras da gestão e organização das respectivas empresas.