sifide

Na economia actual o conhecimento é um factor crítico de sucesso. Quando este é criado nas empresas, e devidamente materializado, através da sua incorporação em produtos próprios, torna-se no maior factor de diferenciação que uma empresa pode almejar. O SIFIDE é um sistema de incentivo fiscal que ajuda as empresas a valorizar este processo, permitindo-lhes reforçar de forma contínua as suas actividades de investigação e desenvolvimento, uma vez que possibilita a dedução à colecta das respectivas despesas.

 

Quando foi criado, em 1997, permitia deduzir 8% das despesas de investigação e desenvolvimento do exercício, acrescidas de 30% do aumento destas em relação à média dos dois anos anteriores. Estas taxas foram sendo alteradas, sempre no sentido ascendente, fixando-se, desde 2009, em 32,5% e 50%, respectivamente, com o objectivo de incentivar e contribuir para o aumento da actividade de I&D.

 

O SIFIDE incide sobre despesas decorrentes da actividade normal das empresas, como os custos com pessoal e as aquisições de materiais. Como tal, para usufruir deste benefício fiscal, que se traduz numa redução do IRC a pagar, as empresas não precisam de efectuar investimentos não previstos na sua actividade normal e/ou definir e estruturar projectos com antecedência.

 

Aceder aos benefícios do SIFIDE é um processo simples que começa pela descrição técnica das actividades de I&D realizadas, passa pelo cálculo das despesas e culmina com a formalização da candidatura. É um mecanismo com vantagens para qualquer empresa, independentemente da sua dimensão. Algumas empresas valorizam de tal forma os seus benefícios que temem perdê-los ao candidatar-se a outros mecanismos de apoio à I&D. Mas a verdade é que não os perdem.

 

O SIFIDE pode contemplar projectos financiados, projectos internos da empresa – não sujeitos a incentivo -, ou projectos de ambos os tipos, não existindo número máximo de projectos por SIFIDE.

 

No caso de projectos financiados, o benefício fiscal apenas incide na percentagem de investimento que não foi alvo de incentivo. Nos casos em que os projectos não são alvo de incentivo, as condições mantêm-se exatamente iguais.

 

Através de uma equipa de Engenheiros com mais de uma década de experiência na elaboração de candidaturas ao SIFIDE, provenientes de diferentes áreas técnicas e com conhecimentos heterogéneos, a Yunit Consulting está disponível para esclarecer eventuais questões no âmbito da candidatura a este sistema de incentivo fiscal.

 

Saiba como fazer parte da rede da Câmara de Comércio

 

Torne-se nosso associado

 

Apresentação Câmara de Comércio