BB-entrevista-Exame

Em Portugal, a questão energética apresenta-se como uma barreira ao desenvolvimento e crescimento económico, sendo actualmente a 2ª mais cara da Europa.

Bruno Bobone, Presidente da CCIP, considera que “esta situação afecta directamente a nossa economia: os custos elevados acabam por ter impacto negativo na nossa competitividade. Não é possível desenvolver uma economia produtiva eficiente e com capacidade de projecção internacional se os nossos empresários se defrontam com preços energéticos desproporcionados.”

Portugal apresenta um quadro de vulnerabilidade energética pela questão da carga fiscal e pela aposta nas energias renováveis. – afirma o Presidente da CCIP que acredita serem necessárias alterações.

“Em conclusão, se conseguirmos tomar as decisões apropriadas e desenvolver uma política energética adequada, o que faremos, em última instância, é criar as condições que permitam que Portugal continue na senda do crescimento e do desenvolvimento, colocando-se na primeira linha dos países com influência a nível internacional.”

 

Leia o artigo completo no blog de Bruno Bobone

Saiba como fazer parte da rede da Câmara de Comércio

 

Torne-se nosso associado

 

Apresentação Câmara de Comércio