rgpd-sandra-veloso

 

Com o objectivo de apoiar as empresas no âmbito do Regulamento Geral de Protecção de Dados (RGPD), a CCIP lançou uma rúbrica, na sua newsletter quinzenal, que irá abordar alguns aspectos relacionados com este tema. Nesta edição, pedimos a Sandra Veloso, Data Privacy Certified CCIP/E, CIPM e formadora na CCIP, que comentasse a situação actual do RGPD.

 

"Actualmente e após os cerca de 3 meses passados desde a entrada em execução do RGPD, é ainda evidente alguma confusão e até desinformação sobre o tema.

Até ao dia 25 de Maio, e sobretudo nos 2 meses antecedentes, as empresas viveram um período a que chamo “histeria do consentimento e da verdade”, preocupando-se sobretudo com os pedidos de consentimento ao titular, infelizmente na maioria das vezes infundado, e sem espelhar uma Política de Privacidade nos seus websites. Foi tempo de rever e criar acordos e definir responsabilidades entre controladores e subcontratantes. O processo de conformidade é longo, agora é chegada a hora de as empresas darem respostas adequadas às solicitações dos titulares, não só em matéria do exercício dos seus direitos mas também na efectiva segurança dos dados. É neste estágio de maturidade no RGPD que encontro uma boa parte das empresas, clientes e não clientes, mas ainda com algumas incertezas. O facto de a lei nacional ainda não ter sido concretizada até ao momento, fez desacelerar de alguma forma este processo nas empresas, mas julgo que de forma geral a conformidade com a privacidade está a ser interiorizada e que assistiremos agora à fase da prova, das evidências."

 

Saiba como fazer parte da rede da Câmara de Comércio

 

Torne-se nosso associado

 

Apresentação Câmara de Comércio