paulo-nunes

Aos 60 anos, Paulo Nunes de Almeida, Presidente da Associação Empresarial de Portugal (AEP), faleceu na sequência de uma doença prolongada.


“Morreu um grande nome do associativismo português”, destaca Bruno Bobone, Presidente da CCIP. “Paulo Nunes de Almeida foi um amigo de quem se gosta pela sua simplicidade, simpatia, honestidade e dedicação ao seu projeto. Tomou a seu cargo uma importante associação empresarial, que atravessava uma situação complicada e difícil e conseguiu dar-lhe as condições de se tornar numa das organizações empresariais que mais contribuíram para o apoio ao desenvolvimento da economia portuguesa nos últimos anos. Com a sua postura tranquila e a sua simplicidade simpática, conseguiu mover as montanhas que poucos se atreveriam a enfrentar e obteve os resultados que poucos acreditariam ser possíveis. Recuperou uma instituição garantindo-lhe as competências e os apoios que foram necessários à manutenção da credibilidade do seu projeto. Perdemos um amigo, um lutador e um grande defensor das empresas e da economia portuguesa.”

Paulo Nunes de Almeida nasceu no Porto, a 24 de Março de 1959, licenciado em Economia. Foi Vice-Presidente na Associação Nacional dos Jovens Empresários e teve vários cargos directivos na Associação Comercial do Porto. Tornou-se o 30º Presidente da AEP em 2014, depois de ter exercido seis anos como Vice-Presidente na anterior Direcção.

Por ocasião dos 170 anos da AEP, Nunes de Almeida foi condecorado pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, com a Grã-Cruz da Ordem de Mérito Empresarial, pela intervenção enquanto dirigente associativo na defesa das empresas e da economia nacional.

Saiba como fazer parte da rede da Câmara de Comércio

 

Torne-se nosso associado

 

Apresentação Câmara de Comércio