ceta

No passado dia 21 de setembro, a UE e o Canadá celebraram o quarto aniversário do Acordo Económico e Comercial Global (CETA). Comparando com 2016 - ano antes da entrada em vigor do CETA - o comércio bilateral de mercadorias registou, em 2020, um aumento de 15%, tendo totalizado 53,3 mil milhões de euros.

Com a entrada em vigor deste acordo - a setembro 2017- foram desde logo eliminadas 98% das tarifas alfandegárias. Desde então e gradualmente, num prazo até 7 anos, atingir-se-á os 100% para os restantes produtos previstos para a liberalização podendo as empresas da UE poupar até 590 milhões de euros por ano em direitos aduaneiros.

Este acordo confere igualmente às empresas da UE o melhor acesso aos contratos públicos canadianos, com condições jamais oferecidas a empresas estrangeiras, não só a nível federal, mas também a nível provincial e municipal.

No contexto do comércio internacional português de mercadorias, em 2020, o Canadá representou 0,58% das vendas totais de Portugal ao exterior e 0,20% das importações totais, ocupando a 23ª posição no ranking de clientes e a 41ª no de fornecedores.

O saldo da balança comercial entre os dois países, nos últimos cinco anos (2016-2020), foi sempre favorável a Portugal. Em 2020 exportaram para o Canadá 1.780 empresas portuguesas e as vendas atingiram 312 milhões de euros, o que corresponde a um decréscimo de 47,9% em relação a 2019, essencialmente devido a uma quebra acentuada nas vendas de veículos e material de transporte (-94,3%) para este mercado.

No que respeita à estrutura das exportações portuguesas, em 2020, por grupos de produtos, destacam-se os produtos alimentares (20,7%), seguidos de matérias têxteis (14%), dos produtos das indústrias químicas (11,9%), das máquinas e aparelhos (9,8%), dos plásticos e borracha (7,9%) e do calçado (5,7%) que, no seu conjunto, representaram 70% das nossas vendas para este mercado.

Segundo os dados mais recentes do Instituto Nacional de Estatística (INE), de janeiro a agosto de 2021, as exportações portuguesas atingiram um montante de 233 milhões de euros, o que corresponde a um aumento de 12%, comparativamente com o período homólogo.

O CETA veio eliminar obstáculos ao comércio, facilitar as exportações para o mercado canadiano e proporcionar novas oportunidades de negócio para as empresas da UE. Mais informações poderão ser obtidas através dos seguintes links:

 

Saiba como fazer parte da rede da Câmara de Comércio

 

Torne-se nosso associado

 

Apresentação Câmara de Comércio